Saúde

Como construir uma estufa com garrafas de plástico para proteger suas plantas

Já imaginou plantar suas próprias ervas e temperos medicinais no jardim/quintal de sua casa?

Poder recolher manjericão, coentro ou cebolinha fresquinhos?

Você pode!

Ah, mas bate muito sol, as plantas sofrem com o calor…

Calma!

Nós temos a solução.

Neste post vamos ensinar como fazer uma estufa reutilizando garrafas de plástico.

É preciso paciência para juntar a quantidade de PETs necessárias, mas as vantagens são inúmeras:

– Baixo custo: como dissemos, é preciso paciência para juntar 1.400 garrafas de plástico de 2 litros.

Mas as encontramos em qualquer lugar, não é verdade?

Com isso, faremos uma estufa de 8 x 6 metros quadrados.

– Sistema de autorrega: você não vai precisar ficar colocando água nas plantas, pois a água da chuva fará todo o serviço, penetrando nas garrafas.

– Protege contra o sol e o calor excessivo, o que estimula o crescimento das plantas.

– Ajudará no processo de reciclagem para a preservação do meio ambiente.

– Fácil manutenção: com o tempo, as garrafas podem se estragar, então é só trocá-las por outras novas – o que não acontece de uma única vez e pode ser evitada (falaremos a seguir).

Então vamos lá!

A primeira coisa que se deve fazer é lavar todas as garrafas.

Em seguida, retirar a tampa e cortar o fundo.

Use varas de bambu ou arames para passar por dentro das garrafas e mantê-las em pé.

Com a ajuda de um martelo e pregos, fixe bem as colunas de garrafa PET na estrutura de madeira.

Faça uma fileira com todas elas para cobrir a estrutura, já pronta, de madeira.

Quando estiver tudo pronto, você pode cobrir as garrafas com um plástico-bolha, para preservar melhor as garrafas.

Essas estufas de garrafas PET estão ficando bem comuns em alguns países Europa e é uma forma divertida e muito legal de reciclar garrafas de plástico e, assim, ajudar a preservar o planeta.

Nossa missão é informar, explicar e apresentar diversos tópicos sobre, saúde, bem estar e qualidade de vida. As informações disponibilizadas neste site não substituem o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.

© 2018 - CuraDaNatureza.com.br

Topo