Saúde

Deputados aprovam fim da rotulagem dos alimentos transgênicos

A Câmara dos deputados aprovou esta semana um projeto de lei que desobriga a indústria de informar nos rótulos se o produto é ou não transgênico.

Nada menos que 320 parlamentares votaram a favor do PL 4148/2208.

O projeto seguirá agora para o Senado, onde será votado.

Desde 2003, existe uma lei que obriga os fabricantes a colocar nos rótulos um “T” sinalizando que aquele produto é de origem transgênica.

Sob pressão de grandes grupos econômicos, essa lei de mais de 10 anos pode cair nos próximos dias.

Existe muita controvérsia sobre os transgênicos.

Para uns, eles são inofensivos.

Para outros, prejudiciais.

Não nos interessa neste instante saber quem está com a razão.

Mas, para nós, é uma agressão tirar do cidadão o direito de saber se está levando para casa um produto que passou por modificação genética.

O fato mais uma vez deixa claro que nossos políticos não legislam pensando em defender os interesses da sociedade, e sim os dos grandes grupos econômicos.

É preciso que a população faça algo para impedir a aprovação do projeto no Senado.

E você, que está lendo esta informação, pode fazer sua parte.

Divulgue a notícia, compartilhe, informe seus amigos, envie mensagens para o Congresso demonstrando sua insatisfação.

É preciso fazer uma grande mobilização nacional para barrar esse absurdo.

Repetimos, não estamos discutindo o fato de os transgênicos serem ou não prejudiciais.

Mas apenas o direito à informação de saber o que estamos comprando.

Até porque, a bem da verdade, só no futuro saberemos as reais consequências do consumo de transgênicos.

Então, se você não quer ser cobaia, faça algo imediatamente.

Mobilize-se para fazer com que o Senado não aprove esse desrespeitoso projeto.

Veja no site do Instituto de Defesa do Consumidor Idec) como apoiar a campanha “Fim da rotulagem dos alimentos transgênicos: diga não!”

Nossa missão é informar, explicar e apresentar diversos tópicos sobre, saúde, bem estar e qualidade de vida. As informações disponibilizadas neste site não substituem o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.

© 2018 - CuraDaNatureza.com.br

Topo