Saúde

Os 10 vegetais mais contaminados por agrotóxicos

Os países do Terceiro Mundo são os principais mercados para a indústria de defensivos agrícolas.

O Brasil, por exemplo, é um dos maiores consumidores de agrotóxicos no mundo, movimentando US$ 2,5 bilhões ao ano, com um volume de 250 mil toneladas de produtos utilizados.

Existem no mundo 20 grandes indústrias do setor, das quais 8 atuam no Brasil

Nos países desenvolvidos é diferente, porque as restrições ao uso de agrotóxicos são mais severas. Não é para menos: os habitantes são bem-informados e escolarizados.

Só para se ter uma idéia da grandeza do problema, no ano passado, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) analisou, em vários Estados brasileiros, dez vegetais, a fim de saber os níveis de agrotóxico.

O pimentão e a uva (ver relação abaixo) são os alimentos que mais apresentaram amostras irregulares em relação a resíduos de agrotóxicos.

As hortaliças e frutas continham resíduos de agrotóxicos com a função de INSETICIDAS, ACARICIDAS e FUNGICIDAS.

No meio ambiente os resíduos de agrotóxicos contaminam o solo e a água dos açudes e rios, além de animais.

Nos seres humanos, pode afetar a saúde do aplicador do produto e do consumidor.

Existe comprovação de que alguns pesticidas provocam doenças autoimunes, como lúpus, alergias, câncer e doenças neurológicas.

Diante de tantas evidências, por que será que não se investe pesadamente em agricultura orgânica?

Simples: porque aos grandes laboratórios não interessa a saúde da população.

O que importa é o LUCRO.

Veja agora os dez vegetais mais contaminados e a porcentagem, entre parênteses, de amostras contaminadas:

– Pimentão (80,0%)

– Uva (56,40%)

– Pepino (54,80%)

– Morango (50,80%)

– Couve (44,20%)

– Abacaxi (44,10%)

– Mamão (38,80%)

– Alface (38,40%)

– Tomate (32,60%)

– Beterraba (32,00%)

Nossa missão é informar, explicar e apresentar diversos tópicos sobre, saúde, bem estar e qualidade de vida. As informações disponibilizadas neste site não substituem o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.

© 2018 - CuraDaNatureza.com.br

Topo