Saúde

Receita natural para diminuir a vontade de comer doces

Uma das maiores dificuldades de quem luta para emagrecer é vencer a vontade de comer doces.

É a compulsão por um chocolate, por um bolo, por torta ou por qualquer alimento com açúcar.

Não é fácil vencer a compulsão por doces, mas é necessário ocorrer isso se você quiser ser bem-sucedido na guerra contra a balança.

E, como sempre, a natureza nos disponibiliza a ajuda de que precisamos.

No caso em questão, o nome da ajuda é garcínia (Garcinia cambogia).

A garcínia é uma pequena árvore originária de florestas localizadas no Camboja, Sul da África e Polinésia.

Hoje ela é muito cultivada e usada na Índia, onde também é conhecida como “tamarindo do malabar”.

O que faz a garcínia ser tão eficiente para frear a vontade de comer doces?

Uma substância chamada ácido hidroxicítrico (AHC).

E o bom da garcínia é que ela diminui a vontade de comer doces sem efeitos colaterais.

É muito legal ter um redutor de apetite sem efeitos colaterais, não é?

O AHC presente na garcínia dá uma segurada no apetite e na vontade de comer doces por meio de uma síntese maior de glicogênio.

Por outras palavras, quando as reservas de glicogênio estão altas, os receptores do açúcar no fígado são estimulados e enviam um sinal de saciedade ao cérebro (sem estimular o sistema nervoso central).

A garcínia é facilmente encontrada em lojas de ervas ou de produtos naturais.

E até mesmo em lojas virtuais (na internet).

A receita do chá é simples:

Ferva 1 litro de água.

Acrescente 1 colher (sopa) de garcínia.

Espere amornar e tome 3 xícara diariamente durante 2 ou 3 meses.

Se você quiser reforçar o chá de garcínia, basta acrescentar 1 colher (sopa) de hibisco e 1 colher (sopa) de alecrim.

Como estas duas ervas, o chá vai ficar mais “turbinado”.

No entanto, como o hibisco reduz a pressão arterial, ao incorporá-lo na receita, tem-se que ser cauteloso para que essa queda não seja tão intensa.

Nossa missão é informar, explicar e apresentar diversos tópicos sobre, saúde, bem estar e qualidade de vida. As informações disponibilizadas neste site não substituem o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.

© 2018 - CuraDaNatureza.com.br

Topo